..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags . -->

quinta-feira, 21 de março de 2013

Explorando a Floresta!

Objetivo específico:Identificar o espaço ocupado pelo índio (floresta) e suas características principais;
Executar habilidades motoras fundamentais de locomoção, estabilização e manipulação.

Estratégia:
Circuito de habilidades por tempo, contendo 5 estações.

Conteúdo:Conversa inicial:
Onde o índio vive? O que podemos encontrar na mata? O que vamos encontrar na nossa mata.


  1. Ponte:
    Material: Banco sueco. Tarefa: Atravessar o banco sueco de várias formas.
    Dica de equilíbrio: afastar os braços
  2. Rio:
    Material: Colchonetes. Tarefa: Saltar para o lado oposto sem molhar o pé (pisar no colchonete)
    Dica de impulsão: usar o braço
    Dica de aterrisagem: fazer a cadeirinha (flexionar os joelhos)
  3. Árvores com frutas:
    Material: Objetos pendurados, bolinhas de tênis. Tarefa: Acertar os objetos (frutas na árvore) com as bolinhas.
    Dica para arremesso: estender o braço.
    Dica para acertar o alvo: olhar para o alvo
  4. Teia de aranha:
    Material: corda elástica. Tarefa: Passar por baixo/por cima da teia de aranha (corda elástica trançada) sem tocá-la.
    Dica de execução: fazer devagar.
  5. Caminho da onça:
    Material: Cordas, arcos e cones. Tarefa: Percorrer o caminho da onça passando sobre a corda sinuosa, pisando sobre as pedras (arcos) e fazendo zig-zag nas árvores (cones)

    Obs.: As dicas apresentadas são apenas exemplos. Elas deverão ser dadas de acordo com as necessidades das crianças.
    Conversa final:O que aprendemos? Qual lugar da nossa floresta foi mais fácil? E qual foi mais difícil?
    Avaliação:
    Registro realizado pelo professor das falas das crianças, principalmente durante as rodas de conversa.


Read more: http://www.pragentemiuda.org/2010/01/vamos-brincar-de-indio-i.html#ixzz2MaG5FI2b

Nenhum comentário:

Postar um comentário