..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags ..Header { text-align: center; ; tags . -->

quarta-feira, 13 de junho de 2012

A Tradição dos Cartuchos de Doces

A Tradição dos Cartuchos de Doces
"O balão vai subindo, vem caindo a garoa
O céu é tão lindo, e a noite é tão boa
São João, São João,
Acende a fogueira
No meu coração."


Ricas em tradições, as festas de São João, Santo Antônio e São Pedro são celebradas por todo o Brasil. Crianças, jovens e adultos se reúnem entre barracas, músicas típicas, pipoca, churrasquinho, pé de moleque, milho verde e curau para festejar esse período do ano, que contagia a população com sua simplicidade e harmonia. Bandeirinhas coloridas, fogueiras e a animada quadrilha dão o tom dos arraiais em igrejas, escolas e clubes, e a animação toma conta de todos em clima de muita alegria. Em cidades do interior de Minas Gerais, a festa carrega, além de todos os itens conhecidos pela maioria dos brasileiros, uma tradição ainda mais antiga. As doceiras das cidades se reúnem para o preparo dos cartuchos artesanais. Os famosos cartuchos são confeccionados com cartolina e decorados com papel crepom, seda ou celofane. Eles dão um colorido especial à festa junina no estado. Depois de prontos, os cartuchos são recheados com doces variados, em especial aqueles que fazem mais sucesso entre as crianças como o pé de moleque, cocada, doce de abóbora e doce de leite. Dias antes da festa, as doceiras iniciam a preparação da guloseima mais esperada do ano e que com o passar do tempo se tornou também um símbolo das festas juninas mineiras. No dia da tão esperada quermesse, os cartuchos são doados para igrejas e instituições e depois vendidos, leiloados ou sorteados. Também são utilizados como prendas nas escolas e presenteados a parentes e amigos. A expectativa desse tradicional presente é imensa e faz a alegria de todos.
Fonte:www.festajunina.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário